Preparado para encarar uma nova cultura?

Já escolheu o destino do tão sonhado intercâmbio? Sabemos que quando chega próximo ao embarque a expectativa vai a mil, mas antes da despedida é preciso se preparar para encarar uma nova realidade.Claro que conhecer um outro país é incrível, mas fazer intercâmbio é bem diferente de turismo. O intercambista tem que estar preparado para mergulhar em outra cultura e vivenciar novos costumes.

Nem sempre a adaptação acontece de forma natural, principalmente quando a cultura do país de origem é bem diferente da de destino. O ideal é ir preparado para novas vivências.

Selecionamos a seguir alguns exemplos de costumes que são diferentes ao jeitinho brasileiro de se viver:

1. Transporte público

Na maioria dos países de primeiro mundo, o transporte público funciona e muito bem. Você consegue se locomover para os principais pontos da cidade de ônibus, trem ou até mesmo ferryboat.

2. Vá de bike

Em alguns lugares a bicicleta é o transporte mais comum. Isso até mesmo em dias de chuva! Você pode transitar tranquilamente pelas ruas, que há sinalização e inclusive estacionamentos para bikes.

3. Cuidados domésticos

Muitos países não têm o costume brasileiro de ter ajudantes para serviços domésticos, então, os afazeres são divididos. Em caso de se hospedar em casa de família, pode ser que você tenha que ajudar em alguma tarefa doméstica. Vá preparado, isso não é abuso, faz parte da cultura deles.

4. Cumprimentos calororsos

O brasileiro tem mania se abraçar, beijar, pegar… mas nem todo mundo aceita isso com naturalidade. Antes de sair se estranhando por aí com o jeitinho brasileiro de dar “oi” observe como as pessoas se cumprimentam e vá em frente!

Cada país tem sua peculiaridade então ao embarcar esteja preparado e aberto para descobrir um novo modo de vida. A diretora internacional da GX Intercâmbio, Andresa Godoy, dá duas dicas para ajudar na adaptação.

Observar antes de agir
Manter a expectativa baixa

Bora encarar uma nova cultura? Se você vai fazer intercâmbio é bom preparar o emocional. Nem tudo é como a gente criou na cabeça, mas com certeza é uma experiência incrível! E os sentimentos?  Clique aqui e vá para nossa matéria especial sobre os sentimentos do intercambista. 

Posted in: